Second Life & Educação

Lista de referências, links, vídeos etc. para o uso do Second Life em Educação, com uma pincelada nos pontos mais interessantes levantados.

***

Second Life & EaD.
Post neste blog, com interessantes discussões sobre o uso do Second Life em Educação.

MATTAR, João; VALENTE, Carlos. Second Life e Web 2.0 na Educação: o potencial revolucionário das novas tecnologias. São Paulo: Novatec, 2007.

[photopress:Second_Life_e_Web_20.jpg,full,vazio]

Livro publicado em 12/2007, em que é traçado um panorama geral da EaD, é avaliado o potencial pedagógico da Web 2.0 e do Second Life, é apresentado o estado da arte do uso do Second Life em educação e são discutidas as experiências dos autores.

ABC da EaD no SL.
Curso sobre Educação a Distância totalmente ministrado no Second Life.

***

Minha primeira aula no SL, sobre os Quakers: sou o 99, o Pedro está do meu lado direito!

[photopress:Quakers_1.JPG,full,vazio]

***

Minha segunda aula, sobre a história dos piratas!!

[photopress:Pirates_class_09_05_2007_006.JPG,full,vazio]

***

Explora as possibilidades educacionais do Second Life:

Usos Educacionais do Second Life:

***

SLED (Second Life Educators Mailing List)
Lista de educadores interessados no uso pedagógico do Second Life. Cuidado: você vai receber dezenas de e-mails por dia!

Second Life Education Wiki.
Wiki para educadores no Second Life.

Education. Second Life Grid.
Apoio para desenvolvimento de conteúdo etc.

Second Life in Education.
Blog.

Second Life Annotated Bibliography.
Vários links para o uso educacional do Second Life.

LIVINGSTONE, Daniel; KEMP, Jeremy (Eds.). Proceedings of the Second Life Education Workshop at the Second Life Community Convention. San Francisco, CA. August 20th, 2006.
Trabalhos do I Workshop sobre Second Life e Educação.

CONKLIN, Megan S. 101 Uses for Second Life in the College Classroom.
Longa e interessante reflexão sobre o potencial pedagógico do uso do Second Life.

Second Life Education Workshop 2007 – Part of the Second Life Community Convention – Chicago Hilton, 24th-26th August 2007.
Textos do II Workshop sobre Second Life e Educação, bem maior que o anterior.

Sloodle.
Combinação entre o Second Life e o Moodle.

***

TERDIMAN, Daniel. Campus Life comes to Second Life.
Essa é do arco da velha – imagine de quando? 24/09/2004, o primeiro registro que encontrei até agora sobre o uso do Second Life em educação.

TERRY, Anderson. An Educator Discovers his Second Life. Virtual Canuck: teaching and learning in a net-centric world.
Post em blog (17/07/2006). O ambiente oferece tudo o que Moos e Muds tinham, com a possibilidade de criar seus próprios gestos, prédios e atividades, além de comprar e vender artefatos. Ferramenta com capacidade de simulação e projetos colaborativos.

WONG, Grace. Educators explore ‘Second Life’ online. CNN. 14 nov. 2006.

A educação no Second Life. 24 jan. 2007.
Post em blog português.

SHEPHERD, Jessica. It’s a world of possibilities. The Guardian. May 08, 2007. Artigo que fala da descoberta do SL pelas universidades.

Portal SL da SJSU’s School of Library & Information Science.
Portal com orientação sobre o uso do Second Life.

MATEI, Sorin Adam et al. Visible past: learning and discovery in real and virtual space and time. First Monday.
Fala do Second Life e também do futuro 3D da Internet. Várias referências, e apresenta o Exploratorium.

Second Life Best Practices in Education.
Primeira Conferência Internacional de Boas Práticas em Educação no Second Life (25/05/2007). Os vídeos das apresentações podem ser acessados.

Institutions and Organizations in SL.
Lista de universidades, organizações (educacionais ou não), bibliotecas e museus presentes no SL.

Second Life: Universities and Private Islands.
Detalhes dos Projetos de universidades no SL.

Interview: Harvard’s Rebecca Nesson discusses teaching in Second Life. I, Lamont. May 16, 2007.
Entrevista com a professora Rebecca Nesson, da Universidade de Harvard, que tem dado cursos no Second Life.

1º Workshop sobre Comunicação, Educação e Formação no Second Life. Universidade de Aveiro. 23 a 25 de Maio de 2007.

Vídeo do Campus da Universidade de Ohio.

A Second Life Whodunit. The Wired Campus. The Chronicle of Higher Education.
Como vândalos podem destruir um campus virtual.

Estadão fará jornal no Second Life Brasil. Estadao.com.br. 28 maio 2007.
Batizado de Metanews, o jornal terá como jornalistas os avatares.

Robin Harper: o Second Life é um “ambiente sem restrições”. Mundo Linden. 26 maio 2007.
Entrevista da vice-presidente do Linden Lab, Robin Harper, sobre as potencialidades do Second Life na educação e em outras áreas.

ALVARENGA, Roberta. Quem quer aprender brincando? Second Life de A a Z. UOL. 28 maio 2007.
Interessante tentativa de reflexão sobre o potencial pedagógico do SL.

O SENAC São Paulo lança 3 cursos no Second Life:
Criação de Objetos no Second Life – Básico (a distância)
Criação de Objetos no Second Life – Avançado (a distância)
Integrando Photoshop no Second Life (a distância)

Educação e o Second Life – 20 jun. 2007.
Vídeo no YouTube, entrevista de Luciane Chiodi com o professor Carlos Valente, focada bastante na questão das marcas no Second Life.

]

Second Life e Branding Educacional – Parte I. 29 maio 2007.
Post no blog Marcas Educacionais, de Luciane Chiodi, focado no tema do vídeo anterior.

Áudio de um debate sobre Second Life (em português), tocando um pouco no tema da educação.

SANTOS, Carlos; PEDRO, Luís; ALMEIDA, Pedro. Second Life e Educação.
Slides apresentados durante o Workshop “Second Life e Educação” na Universidade de Aveiro.

GARCIA, Maurício. Efeito Katilce. Marcas Educacionais (blog). 23 jul. 2007.
Artigo do entusiasta da tecnologia da informação sobre o potencial pedagógico do Orkut e Second Life.

Laboratórios virtuais. Fapesp, 27 jul. 2007.
Resenha de estudo de William Bainbridge, da National Science Foundation (NSF), publicado na revista Science, que analisa o Second Life (SL) e o World of Warcraft (WoW) do ponto de vista da ciência.

BAINBRIDGE, William Sims. The scientific research potential of virtual worlds. Science, 27 July 2007, vol. 317. n. 5837, p. 472-476.
Artigo comentado pelo anterior da Fapesp, mas que só pode ser acessado por assinantes da Science.

GARCIA, Maurício. Second Life – Educação. 05 jul. 2007.
Comunidade criada no orkut para educadores e educandos interessados em utilizar o ambiente do Second Life para propostas inovadoras de educação.

YOUNG, Jeffrey R. A campus tour on Second Life.
Um tour pelo campus virtual da Case Western Reserve University.

CAMPOS, Stela. Universidades brasileiras investem no Second Life. 11 ago. 2007. Cidade do conhecimento.
Reportagem publicada originalmente no jornal Valor Econômico, 23/07/2007, que comenta a entrada das universidades brasileiras no Second Life.

Colleges are building in Second Life, but is anyone visiting? The Wired Campus. The Chronicle of Higher Education. 16 ago. 2007.
Texto discute a baixa visita aos campi das universidades que até agora marcaram presença no Second Life.

PRETTI, Lucas. USP chega ao Second Life e pode mudar a história do jogo. Estadao.com.br. 20 ago. 2007.
Com um auditório doado pela pela University of Southern California, e um território doado pela Kaizen Games, a USP, em parceria com a PUC-SP, UnB, UFMG, Casper Líbero, Unisa e Mackenzie, entram no Second Life.

PRETTI, Lucas. Sob efervescência, USP inaugura incubadora no Second Life. Estado.com.br. 28 ago. 2007.
Lançamento no Second Life do projetoCidade do Conhecimento, pelas instituições indicadas anteriormente.

**

Durante o 13 Congresso da ABED, 09/2007 em Curitiba, a Unisinos apresentou 3 trabalhos que abordavam o uso pedagógico de mundos virtuais 3D em educação:

a) O mini-curso: MC07 – ECoDI: A Criação de um Espaço de Convivência Digital Virtual para a Aprendizagem, utilizando mundos virtuais em 3D (Active Worlds e Second Life), de Eliane Schlemmer, Luciana Backes, Helena Soares e Bruno de Faria Bandeira, que eu não assisti mas sei que a conexão ao Second Life falou, então houve uma apresentação por data-show.

b) O trabalho TC C3B2 – 185, “Espaço de Convivência Digital Virtual na Formação de Professores: Um Estudo Sobre as Representações na Interação”, de Eliane Schlemmer, Luciana Backes, Bruno de Faria Bandeira e Helena Cristina Martelete Soares, em que são apresentadas as reações dos professores à utilização de ambientes virtuais 3D.

c) O trabalho TC C3A1 – 214, “O Desenvolvimento da Autonomia na Construção de Mundos Virtuais”, de Luciana Backes, um pouco mais teórico que o anterior, que discute a noção de autonomia nos ambientes virtuais 3D.

A Unisinos tem uma interessante e fundamentada experiência com o Grupo de Pesquisa: Educação Digital UNISINOS/CNPq.

Nos cursos de licenciatura foram utilizados ambientes virtuais 3D nas Atividades Complementares: “Aprendizagem em Mundos Virtuais” (2005) e “Práticas Pedagógicas em Mundos Virtuais” (2006).

O AWSINOS é um mundo virtual construído utilizando o software Eduverse, versão educacional do Active Worlds.

O ECoDI integra ambientes virtuais 3D com ambientes virtuais de aprendizagem.

Além disso, eles possuem uma ilha no Second Life, que inclusive utilizarei para uma das aulas do ABC da EaD.

**

I Congresso do Second Life na Educação.

[photopress:sleducacao___cartaz.jpg,full,vazio]

MIT and Princeton Face Off in Second Life. The Wired Campus. The Chronicle of Higher Education. Oct. 02, 2007.
MIT e Princeton brigam por espaço no Second Life.

Art Installation in Second Life Wows Educators. The Wired Campus. The Chronicle of Higher Education. Oct. 02, 2007.
Arte no Second Life.

Spring 2007 Survey: Educators in Second Life. NMC – New Media Consortium.
Extensa pesquisa realizada em Maio 2007 com educadores sobre o Second Life e seu futuro, que mostra uma clara divisão nas opiniões. Um Apêndice apresenta respostas a questões abertas.

Getting an Academic Life in Second Life. The Chronicle of Higher Education.
Chat com Merrill L. Johnson, que construiu o prédio da University of New Orleans no Second Life, em que são discutidas várias questões sobre o uso pedagógico do Second Life.

O Radar é um portal em que você pode se cadastrar gratuitamente, e em que encontrará as seguintes comunidades: “Second Life – fundamentos”, “Criando objetos no Second Life” e “Como dar aula no Second Life?”.

KELTON, A. J. Second Life: reaching into the Virtual World for Real-World Learning. ECAR (Educause Center for Applied Research) Research Bulletin. Volume 2007, Issue 17, August 14, 2007.
Um artigo interessante de uma pessoa com quem temos nos correspondido e que inclusive cedeu gentilmente o espaço do CHSS Montclair State University para uma de nossas aulas do curso ABC da EaD no SL. Kelton explora o surgimento do Second Life, seu potencial para o ensino superior, lista instituições que têm utilizado o ambiente e propõe várias questões para avaliar o uso do SL em educação.

10 Challenges & Solutions to Teaching in Second Life. November 17, 2007.
Compilação de respostas de alunos de pós-graduação no curso EDTECH 597: Teaching & Learning in Second Life, Boise State University, EDTECH Island. Algumas reflexões interessantes sobre o uso do SL em educação.
Quando o texto aborda a combinação entre texto e voz para o ensino, são lembrados os objetos que “falam” textos (lendo por exemplo um notecard), separam os elementos em ritmo específico, liberam linha a linha ou permitem a modificação do texto. “You Speak”, criado por Yahon Althouse, permite que seja lida linha a linha de um notecard. “Whiteboard”, criado pela K & R engineering, além de vídeo, slide e coleção de texto, permite que as linhas de um notecard sejam passadas no Whiteboard. É também mencionada a possibilidade do uso de podcast.
O texto lembra também da necessidade de apoio para os usuários novatos, que de macacos (que aprendem a se mover) passam a pássaros (quando aprendem a voar e manipular a câmera) e, no final, a ter experiências com o corpo mais ricas.
É também discutida a relação entre atividades síncronas e assíncronas e o uso do Second Life, técnicas para administrar uma classe no SL e as confusões resultantes dos horários internacionais.

Eliane Schlemmer fala do potencial do Second Life para a Educação. Portal Educacional.
Entrevista com a professora e pesquisadora da Unisinos sobre o potencial do Second Life para a educação.

Vídeo do Olhar Digital sobre o uso educacional no Second Life.

EDTECH 597: TEACHING & LEARNING IN SECOND LIFE.
Informações sobre o curso, que é ministrado no Second Life.

LaCHAPELLE, Neil. Some Foundations for Second Life Pedagogy. July 18, 2007.
Breve reflexão sobre o potencial pedagógico do Second Life.

Virtual Worlds – What are They and Why do Educators Need to Pay Attention to Them?
Várias listas referentes ao uso pedagógico do Second Life.

Second Life and Education.
Novo blog sobre Second Life e Educação, para ficarmos de olho.

Second Life as Web 2.0?
Arquivo com som no slideshare, com reflexão sobre Web 2.0 e Second Life em educação.

Avatar Mundos Virtuais.
Número 0 da Revista, que discute em detalhes a educação utilizando o Second Life. É possível baixar a revista aqui.

Vídeo que explica o Sistema SL-Sloog-SalamanderWiki-Merlot, que permite coletar dados sobre objetos no Second Life e exportá-los para um site, permitindo a criação de um catálogo de objetos educacionais no mundo virtual.

Virtual Social Worlds and the Future of Learning. Vídeo no YouTube que explora as possibilidades dos mundos virtuais para a educação.

SOUZA, Lourdes. Revolução no ensino. Tribuna do Planalto, Goiânia, 23 fev. 2008.
Reportagem baseada em entrevista com João Mattar e Carlos Valente, sobre o uso do Second Life em educação.

Second Life and Virtual Learning: An Approach to Active Learning, um podcast muito interessante, com mais de 30 minutos de conversa sobre o Second Life na educação, no ELI – Educause Learning Initiative 2008 Annual Meeting, com Sarah Smith Robbins, Teshia Roby e Chris Johnson.

Engagement in Second Life Learning – excelente palestra de Sarah Robbins (SL: Intellagirl Tully), na SL Best Practices in Education, em que ela discute o envolvimento dos alunos na educação superior e como os mundos virtuais podem ser usados para recapturar a atenção dos alunos dentro e fora da sala de aula. O Second Life é uma ferramenta com um potencial único para criar comunidades de aprendizagem, muito mais interessante do que ferramentas assíncronas chapadas, que têm sido o padrão. Uma ferramenta poderosa para facilitar o envolvimento dos alunos, não há outra ferramenta com esse potencial. Precisamos ouvir os alunos e aprender o que eles desejam, e oferecer para eles um modelo de educação com o qual eles possam se envolver. A palestra é seguida de várias perguntas e respostas bastante interessantes.

Edumuve.com – lista comentada com locais e sites de interesse sobre o Second Life para educadores.

Teaching and Learning in Virtual Worlds – curso oferecido pelo Marlboro College Graduate Center, ministrado à distância no Moodle e no Second Life.

Sermão para converter o Educador Brasileiro ao Second Life.

Free Teaching Tools for SL.
Uma lista de ferramentas muito interessantes para os educadores no Second Life, grátis, organizada pela EduNation.

Second Life como Ferramenta para de Educação (vídeo editado do documentário “A Era do Vídeo Game” do Discovery Channel):

SLEDRJ

Um vídeo que produzi sobre algumas das instituições de ensino realizando pesquisas e atividades educacionais no Second Life:

Em Machinima, abordo brevemente a arte de produzir vídeos em games, e mais especificamente no Second Life, que tem demonstrado um interessante potencial educacional.

A Second Life Education Support Faire ocorreu entre 25 e 30 de Janeiro de 2009, com diversos stands e apresentações sobre o uso do Second Life para a educação.

O Virtual Worlds – Best Practices in Education ocorrerá entre 27 e 29 de Março de 2009, dando continuidade ao Second Life Best Practices in Education de 2007.

O SLACTIONS 2009 – Research Conference in the Second Life World – ocorrerá de 24 a 26 de Setembro de 2009.

Virtual Worlds Best Practices in Education 2010 – 12-13 Março

***

 Subscribe in a reader

FacebookTwitterGoogle+Compartilhar

30 respostas a Second Life & Educação

  1. Flora Guedes disse:

    Olá professor, entro em contato para saber se o senhor me concederia uma entrevista sobre suas experiências no Second Life para a Revista Aprende brasil (Editora Positivo), uma revista de ducação voltada para escolas públicas principalmente. Estamos produzindo uma matéria que mostra como as novas tecnologias de informação e comunicação estão transformando a educação. No caso, gostaria que o senhor fosse me passesse declarações específicas do uso do SL. Vamos falar um pouco na matéria também sobre esse ambiente…no entanto, preciso que o senhor entre em contato comigo até segunda-feira d emanhã, porque esta matéria será finalizada na terça-feira de manhã. Agradeço desde já pela sua atenção
    Flora Guedes – Curitiba – PR. Pode me responder no e-mail floraguedes@hotmail.com

  2. Flora Guedes disse:

    Professor, me desculpe os erros, foi a pressa!
    Um abraço
    Flora Guedes

  3. João Mattar disse:

    Flora, já te enviei um e-mail.
    Um abraço

  4. Mateus do Nascimento disse:

    Saudações!
    Em breve terei que apresentar um trabalho de conclusão de curso. Estou fazendo docência da EAD e queria enfocar o second life como o ambiente virtual do futuro.
    Alguém pode dar uma ajuda?
    Desde já agradeço.
    Abraços!
    Mateus do Nascimento

  5. João Mattar disse:

    Mateus, nesta página tenho procurado manter uma lista de referências para o uso do SL em educação, e no post citado logo no início da página, você encontrará uma discussão muito interessante, da qual muita gente participou.
    Se você ler tudo isso, estará pdh em sl em educação!
    Mas se tiver algumas dúvidas, compartilhe com a gente por aqui, ok?
    Boa sorte e um abraço
    (ah, e em 01/12 teremos o I Congresso Second Life na Educação, e o lançamento do livro “Second Life e Web 2.0: o potencial revolucionário das novas tecnologias”, talvez te interesse!)

  6. Pingback: De Mattar » 2007 - Retrospectiva

  7. Pingback: De Mattar » EDTECH 597: Teaching and Learning in Second Life - 8th Class - March 13, 2008

  8. Pingback: De Mattar » Mundos Virtuais e Educação

  9. Pingback: De Mattar » EDTECH 597: Teaching and Learning in Second Life - 10th Class - March 27, 2008

  10. Pingback: De Mattar » EDTECH 597: Teaching and Learning in Second Life - 11th Class - April 03, 2008

  11. Tatiane Hilgemberg disse:

    Olá professor, Estou pesquisando o uso do Second Life no ensino, e precisa de sua ajuda, se não fosse incômodo.Sou licenciada em Comunicação Social pela UFJF (Universidade Federal de Juiz de Fora), e estou fazendo o mestrado em Ciências da Comunicação na UP (Universidade do Porto), esse semestre tenho uma disciplina de Novos Media e resolvi fazer uma pesquisa sobre o uso do Second Life no ensino no Brasil e em Portugal.Ao iniciar a pesquisa observei que o seu nome era uma constante. Então estou escrevendo porque pensei em aplicar um questionário entre os estudantes que utilizam o SL para fins acadêmicos. Gostaria de saber se o professor pode me auxiliar no sentido de disponibilizar contactos de alguns alunos (via email ou SL) para que possamos aplicar o maior número possível de questionários.Desde já agradeço pela atenção.Obrigada e Feliz Ano Novo! Tatiane Hilgemberg

  12. João Mattar disse:

    Estou à disposição, Tatiane. Me envie um email (joaomattar@gmail.com) que conversamos por lá, ok?

  13. Jurandir Rafael disse:

    Professor

    Após ler seu livro comecei a desenvolver atividades no Second Life bem como faço parte da atual turma sobre SL do Sebrae. Eu ainda estou começando: realizei algumas pequenas coisas as quais foram bastante prazeirosas e ricas.
    Semana que vem disponibilizei o local para meus colegas de pós em design instrucional realizarem uma atividade.
    Ainda não finalizei o ambiente, mas ficaria muito feliz se aparecesse no meu local virtual de trabalho. A ilha é Vestibular Brasil, meu avatar é Jura Aboma.

    Um grande abraço.

  14. João Mattar disse:

    Claro, Jurandir. Pode ser em qualquer dia e horário? Meu avatar é Erectus Amat.

  15. Helen Faria disse:

    Olá professor João Mattar!

    Seu trabalho com o SL é muito interessante, parabéns! Meu nome é Helen, sou mestranda do Programa de Estudos Linguísticos da UFMG, linha de pesquisa Linguagem e Tecnologia – ensino de línguas mediado pelo computador- e estou escrevendo um artigo onde cito vários trabalhos de destaque envolvendo ensino e tecnologia e gostaria de falar um pouco sobre seu trabalho com o SL. Eu tenho algumas perguntas, se o senhor puder responder ficaria muito agradecida!

    1) O senhor ainda trabalha com o SL? Esse trabalho envolve/envolveu o SL no ensino de línguas? Se sim, qual?
    2)Há alguma novidade ou jeito novo de trabalhar com essa ferramenta que tem feito parte de sua prática docente atual?
    3) As aulas com o SL são ministradas apenas na universidade ou em outros contextos instrucionais também?
    4) Gostaria de reproduzir no artigo figuras ilustrando o seu trabalho. É possível?

    Qualquer outra informação sobre seu trabalho é muito importante para o artigo.

    Muito obrigada desde já!

    Helen Faria

  16. João Mattar disse:

    Helen, você pode por favor enviar um email: joaomattar@gmail.com

  17. Pingback: Uma otima lista de blogs de tecnologias na educação. « Blog do mardemes

  18. Tatiana Cipriano disse:

    Professor Mattar

    Ando a Fazer uma pesquiisa acerca da importância de Second life na Educação, sobre a qual fiz varias pesquisas e pude constatar que ler o seu livro iria ser bastante benefico, mas para meu grande espanto não consegui encontrar o livro em livrarias na zona nem na internet. Pelo que a minha professora orientadora me aconselhou a mandar-lhe um e-mail a perguntar se me podia indicar o local onde em Portugal posso receber o livro antes do final do ano..
    Obrigado

  19. João Mattar disse:

    Tatiana, o livro é vendido na Internet, nos links indicados em:

    http://blog.joaomattar.com/13/

    mas no Brasil, você precisa checar quais das livrarias online enviam para Portugal e, o principal, o custo do frete.

    Tente as seguintes:

    http://www.novatec.com.br/livros/secondlife_edu/ (a editora, troque emails com eles se preferir)

    http://www.livrariacultura.com.br/scripts/cultura/resenha/resenha.asp?nitem=2292761&sid=2018160409126833225467160&k5=285FDEEF&uid= (livraria Cultura, precisar ver se eles enviam para Portugal)

    http://www.fnac.com.br/second-life-e-web-2-0-na-educacao-o-potencial-revolucionario-das-novas-tecnologias-FNAC,,livro-16536-1005.html (Fnac, como é internacional, talvez enviem)

    http://www.submarino.com.br/produto/1/21283093?franq=134562 (Submarino, é uma grande livraria online aqui, veja se exportam para Portugal)

    Se não der certo em nenhuma me envie um email, joaomattar@gmail.com

  20. Tatiana Cipriano disse:

    obrigado pela ajuda professor.

  21. Vitor Garcia disse:

    Olá João Mattar!
    Há um crescimento enorme de usuários de internet no Brasil, mas podemos dizer que a minoria sabe utilizar de forma correta o computador, ou melhor dizendo, sabem tirar algum proveito, porque o resto só sabe navegar no Orkut, estou mentindo?
    A SL para a maioria é simplesmente um GAME, isso pode ser visto ao logar em qualquer ilha, (tirando algumas que tem tem avatares que lá estão com um propósito, aprender algo ou ensinar) porque na maioria o que pode ser visto são avatares guerreando, namorando e até mesmo perturbando aqueles que estão fazendo algo sério naquele ambiente.
    Os valores de Internet no Brasil ainda são muito altos para a maioria dos brasileiros, quanto mais uma internet de alta velocidade que é o minimo que o usuário deve ter para navegar na SL.
    A filial brasileira do Second Life fechou as portas neste ano que passou, agora para recorrer ao suporte da SL o usuário deverá ter o conhecimento da língua inglesa.
    Já participei de várias palestras e eventos na SL, alem de ter atuado como desenvolvedor. Sei como é difícil lhe dar com um computador/internet para quem está começando a se habituar com essas novas tecnologias. Mesmo aqueles que já tem um certo nível de escolaridade, muitas vezes é difícil compreender coisas novas, como um ambiente virtual 3D e se essas pessoas começarem a esbarrar em certos problemas como conectividade, falta de um suporte em seu idioma e problemas técnicos corriqueiros no sistema, elas podem desanimar, podendo até deixar de lado seus avatares, como aconteceu com grande parte dos usuários que criaram seus avatares quando a SL ERA uma febre na internet, mas por problemas do sistema, falta de um computador com uma placa de vídeo e uma velocidade de internet baixa essas pessoas esqueceram desse mundo virtual.
    Agora quero te fazer uma pergunta: Você acha que mesmo com todos essas barreiras que citei o Second Life ainda conseguirá voltar das cinzas e dar a volta por cima?

  22. João Mattar disse:

    Vitor, tenho escrito bastante sobre o tema, inclusive para desfazer um pouco alguns equívocos. Veja p.ex. o post
    http://blog.joaomattar.com/2009/07/03/second-life-mundos-virtuais-em-educacao/
    O apêndice do meu livro Games em Educação: como os nativos digitais aprendem
    http://blog.joaomattar.com/863/
    outro post:
    http://blog.joaomattar.com/2009/12/07/atualizando-algumas-informacoes-sobre-o-uso-do-second-life-em-educacao/
    e o mais recente artigo que escrevi em inglês:
    http://blog.joaomattar.com/2009/12/13/technological-minimalism-and-second-life-time-for-educational-technology-and-content-minimalism/
    e principalmente acompanhe o que vai acontecer no Virtual Worlds Best Practices in Education, agora em Março
    http://www.vwbpe.org/
    Acho que com tudo isso, você terá uma resposta para as suas perguntas.

  23. Amazing! I am a big fan of second life too and it is really an awesome game. Didn’t thought that it could be use an alternative for education.

  24. gilmara elke disse:

    preciso de orientação de ajuda para minha pesquisa do mestrado sobre second life como ambiente educacional professor.

    gilelke@gmail.com

  25. Tatiana Silva disse:

    Olá! Tudo bom?! Você é professor? Estou escrevendo uma dissertação sobre Second Life… gostaria de conversar com você, se possível.

  26. Daiane disse:

    Olá professor, gostei muito no blog, está me auxiliando na monografia, onde estou falando sobre o uso do Second Life na educação. Porém preciso de alguns dicas, vou enviar um email, explicando.

  27. mirela disse:

    Este estilo de aprendizagem faz com que cada um aprenda e entendi as informações de maneiras diferentes e essa maneira é bem interessante e tenho certeza que como me estimulou ,vai estimular esta gerações de alunos que estão chegando para nós que estão mais ainda familiarizado com este ambiente virtual 3d second life.
    Isso é muito legal e podem aumentar a qualidade de aprendizagem de nossos alunos.

  28. Olá Professor gostei muito do seu blog e também dos links disponibilizados, gostaria de adquirir seu livro, só que não acho em nenhum lugar. Você me indica algum site que é possível realizar a compra. Outra dúvida é em relação ao second life, vi que sua primeira aplicação foi desenvolvida em meado de 2004, após 10 anos qual sua opinião na utilização desta ferramenta para os dias atuais, ela ainda é aplicada? O projeto continua? Ou caiu em desuso. Desde já agradeço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>